DESEMBARGADOR ROOSEVELT QUEIROZ COSTA DÁ SEU DEPOIMENTO SOBRE O MÓDULO DE APROFUNDAMENTO EM DOUTORADO UMSA/IESLA

O desembargador Roosevelt Queiroz Costa, que foi representante máximo do Poder Judiciário do Estado de Rondônia no biênio de 2012 e 2013,  está participando do Módulo de Aprofundamento em Doutorado da Universidad Del Museo Social Argentino (UMSA), realizado na unidade do IESLA em Belo Horizonte. Trata-se de um convênio entre as instituições, incluindo o ESJUS, que permite que os alunos deem continuidade ao projeto de pesquisa, assim como o projeto de Tese e ao desenvolvimento da Tese, sem sair do território nacional.

Segundo a autoridade, são inúmeras as vantagens de um curso de doutorado que possibilita o 15122011-123513-novo_tjaprofundamento do direito, combinado à oportunidade de conhecer e compartilhar sobre a cultura Argentina. “Considero muito relevante o presente curso proporcionado pela ESJUS/IESLA e UMSA. Mais do que o aprimoramento, é levar aos doutorandos o sonho acalentado do título de doutor, tão significativo em diversos segmentos. Seja na carreira do magistério; nos concursos públicos de provas e títulos, nos quais são imprescindíveis na conquista de melhor classificação; até a quem já é servidor para obter vantagens remuneratórias por conta do título, como sói acontecer nos poderes e instituições”, destaca.

Além disso, a pluralidade cultural também é um diferencial para o desembargador. “Temos colegas de todo o Brasil. Em meu caso particular e, acredito que para grande parte dos doutorandos, este detalhe vem ensejar-nos na produção acadêmica (por meio dos trabalhos escritos, seminários e, principalmente, da Tese). Efetivamente por expor ao mundo jurídico temas que se não fossem  instigados pelo curso, com a obrigatoriedade de produção escrita, certamente ficaríamos apenas no campo das ideias” conta.

O desembargador reconhece, entretanto, que se trata de um caminho repleto de desafios. “Devido ao alto comprometimento com as funções exercidas por meu cargo, acabei desistindo do curso no meio do caminho. Entretanto, repensei e cheguei à conclusão de que vale a pena recomeçar. Voltei bastante animado para levar a cabo o encargo com afinco, dando o melhor de mim para atingir a meta que é o doutoramento. Tudo isso com a convicção de estar construindo, com as letras jurídicas dentro do Universo acadêmico, inclusive, mostrando bons exemplos de cidadania no exercício do magistério e da judicatura. Tudo e todos os envolvidos no estudo do Direito, de forma direta e indireta, se empenham para alcançar e ver triunfar a Justiça, o bem comum e o melhor para a sociedade”, conclui.

 

Tags: No tags